quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

A culpa será do sistema judicial

Quando Trump afirma que se algo acontecer no país (leia-se um ataque terrorista) a culpa será do sistema de justiça, está para além de tentar encostar esse sistema à parede, está a limpar a sua administração da responsabilidade na criação de condições para que esse atentado efectivamente aconteça. Imagine-se o que seria e como esta Administração reagiria na eventualidade de um ataque terrorista acontecer em solo americano. Trump seria o primeiro a reforçar a culpa do sistema de justiça e auto-excluir-se de qualquer responsabilidade.
A tudo isto acresce que a taxa de popularidade de Trump muito provavelmente subiria em flecha. Recorde-se o que aconteceu com a Administração Bush com a subida incomensurável da sua popularidade.
Dito por outras palavras, Trump, que conta com baixas taxas de popularidade e com uma forte oposição sobretudo da sociedade civil americana, ficaria numa situação mais favorável caso uma desgraça de natureza terrorista acontecesse, designadamente se por detrás dessa mesma desgraça estivesse o jihadismo.
Trump e a sua Administração dificilmente aguentarão este ritmo de governação, com ataques diários, como uma oposição sem precedentes na democracia americana e com o funcionamento dos “checks and balances” próprio do sistema democrático. Já para não falar do amadorismo que cerceia esta Administração e que é indubitavelmente indisfarçável.

Assim, resta saber até que ponto as políticas que visam uma população em especial que é feita por Trump e pelos seus acólitos não terá consequências trágicas para o povo americano, mas extraordinárias e salvíficas para a Administração Trump.

Sem comentários: