quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Espalhar o medo e a mentira

A comunicação social está repleta de seres cuja única função parece ser espalhar o medo e a mentira, sobretudo desde que o Governo PS, apoiado por BE, PCP e Verdes, tomou posse. Tudo terá piorado quando começou a ser visível a viabilidade desta solução política.
Primeiro acenaram-nos com as trevas que BE e PCP trariam consigo; depois avisaram-nos que os resultados económicos seriam desastrosos; agora alertam-nos para o facto deste Governo estar a ser apoiado por forças anticapitalistas que estão a envidar todos os esforços para instaurar uma espécie de ditadura socialista. Pega-se num discurso de Mariana Mortágua, deturpando essas palavras e acusa-se a deputada do BE de querer "atacar as poupanças dos portugueses", quando na verdade o discurso tinha como alvo aquele famigerado 1 % acumulador de capital. Os mais ricos, portanto, mas tudo visto como um ataque ao capitalismo. A continuar assim não faltará muito tempo para o dia do juízo final e o PS apoia tudo.
É claro que não há argumentação, nem sequer existem sinais de que o tal Diabo almejado por Passos Coelho esteja a chegar. 
Usa-se o medo, apoiado na mentira e faz-se figas torce-se para que tudo corra pelo pior.

1 comentário:

Luis Salgado disse...

Eu acho que o Capitalismo vai existir sempre porque é o Motor de uma Economia de Mercado que infelizmente pertencemos à Séculos,mas tenho a certeza que com Governos Sérios em todo o Mundo o Povo viveria muito Melhor porque a Destruição da Riqueza seria muito mais bem Distribuída. Bom dia Cumprimentos.