terça-feira, 26 de novembro de 2013

Orçamento de Estado


Em dia de debate e aprovação do Orçamento de Estado espera-se um vasto conjunto de manifestações contra um dos orçamentos de Estado mais iníquos da história da democracia.
A pretensa justa repartição dos sacrifícios é mais uma mentira que nem os deputados da maioria conseguem alimentar. Este orçamento é profundamente injusto e é claramente um exercício próprio da ideologia que subjaz à actuação do Governo.
Trata-se, portanto, de um orçamento que merece o nosso repúdio e contestação, até porque contas feitas os resultados serão desastrosos e redundarão invariavelmente no mesmo: empobrecimento generalizado.

Sem comentários: